24 fevereiro 2011

REISSUES

Sou um apaixonado por reissues dessas coisas clássicas do rock e ao mesmo tempo de certas obscuridades. Esse ano começou com uma penca de relançamentos de selos especializados como os meus queridos Sundazed e Esoteric. Quase que mensalmente a Sundazed vem lançando pacotes especiais, os quatro últimos pacotes são imperdíveis.

O pacote mais atual da Sundazed destaca o quinteto americano dos sixties Blues Magoos e seus dois álbuns de 66 e 67 respectivamente. Esse primeiro foi pioneiro até em usar o nome "psychedelic" no titulo, junto com o 13th Floor Elevators. O disco tem o grande hit da banda "(We Ain´t Got)Nothing Yet" que mais tarde o Deep Purple usaria o riff dela para fazer "Black Night". A banda passeia pelo garage rock/proto punk, a leveza da beatlemania o lado mais soul James Brown em "I´ll Go Creazy" ou o acid pop de canções maravilhosas como "Got Get Away".

O segundo álbum do Blues Maggos é um refinamento do rock and roll e da psicodelia. Eles foram uma das primeiras garage rock bands americanas a desfrutarem de um certo sucesso naquela epoca. Em 1967 os Blues Magoos eram os queridinhos da galera do Greenwich Village.A Sundazed Records lança em duas versões esses dois álbuns, vinil e cd digipack.Uma reprodução meticulosa dos originais, como tudo que essa gravadora faz.

Incluido recentemente no catalogo da Sundazed esse relançamento em vinil do guitarrista Freddy King. A importancia desse cara pode ser descrita por outros grandes guitarristas como Eric Clapton, Steve Ray Vaughn e Mick Taylor. Clapton regravou o grande hit de Freddy King que foi Hide Away.Nesse disco tem outro clássico chamado "San-Ho-Zay" que a banda brasileira Blues Etilicos usou como titulo de um de seus álbuns.Freddie King começou a gravar em 1957 e morreu jovem aos 42 anos. A Sundazed disponibilizou em vinil seus dois primeiros álbuns e os remasterizou direto de suas masters em mono.

Esse a Sundazed lançou em vinil e cd digipack, o álbum "Little Games" dos Yardbirds. Esse disco saiu em 1967 e traz a última formação dos Yardbirds com Jimmy Page na guitarra substituindo Jeff Beck. Esse é um disco muito curioso pois poderiamos chamá-lo de embrião do Led Zeppelin, tem até participação de John Paul Jones. No começo o Led Zeppelin era conhecido como The New Yardbirds, até mudarem para Led Zeppelin.Um mix de blues e psicodelia com uma das mais belas capas da era psicodelica.

Por falar em psicodelia, esse é um daqueles grupos mais obscuros e cultuados, o Gandalf do cantor e guitarrista Peter Sando. O Gandalf teve seu disco de estréia em 1967 pelo selo Capitol e produzido pelos mesmos caras que trabalhavam com o Lovin´ Spoonful.Com apenas um disco, esse tesouro perdido da psicodelia americana, reaparece num segundo álbum, que graças a Sundazed e ao arquivo de outtakes e raridades de Peter Sando foi possivel reunir um punhado de canções e lançar esse segundo disco, em cd e vinil colorido conforme foto.

Outro petardo obscuro dessa era psicodelica americana é a banda Morly Grey com seu álbum "The Only Truth" de 1972. Nesse caso mais um hard-psych de acordo com a epoca. O melhor de tudo é que a Sundazed conseguiu ainda algumas bonus tracks pra acrescentar nessa reedição, além do vinil ser duplo e colorido.

Saindo de Sundazed e partindo pra outro selo de relançamentos, o britanico Esoteric vai mais fundo no baú das raridades e resgata coisas que passaram batido no passado e mostra a importancia delas nos dias de hoje. É o caso dos discos do baterista Ginger Baker em um de seus projetos pós Cream, o Baker,Gurvitz Army. Quando sairam esses discos ninguém deu a mínima, pois os fãs não aceitavam o fim de um dos mais importantes power trios de todos os tempos, o Cream. A qualidade desse novo grupo de Ginger Baker foi sufocada até pelas comparações e cobranças via fãs do Cream. Entre 1974 e 1976 foram esses tres álbuns que aparecem as capinhas abaixo, aliás o trabalho de arte dos dois primeiros é impecável e dignos de elogios.Os irmãos Gurvitz vinham de um outro cultuado e obscuro grupo ingles dos anos sessenta, o Gun.



Um outro selo de relançamentos que reaparece é o Edsel Records e lança numa tacada só seis discos da banda fromada no Greenwich Village em Nova York em 1965, o Lovin´Spoonful. Na epoca eles vendiam a idéia de que a banda era a resposta para a Beatlemania que invadiu a América. Uma banda americana com sabor de musica americana misturando blues,country, folk e o estilo das jug bands. O lider da banda John Sebastian que mais tarde partiu para carreira solo era nessa epoca um hitmaker, acertava uma atrás da outra e vieram os primeiros clássicos como "Do You Beleive in Magic", "You Didn´t Have to Be So Nice", "Daydream", e "Did You Ever Have to Make Up Your Mind?"
Na capa abaixo a trilha pro filme de Woody Allen "What´s Up Tiger lily?"(1966) e "Hums Of the Lovin´Spoonful"(1966) que traziam os hits "Summer In The City", "Nashville Cats" e Rain On The Roof"

A capa abaixo traz o primeiro dos tres cds lançados, cada um reune dois álbuns do Lovin´Spoonful, nesse temos "Do you Believe In Magic"de 1965 e "Daydream" de 1966.

Nos próximos dois ultimos cds com John Sebastian temos a trilha sonora do filme de 1967 "You´re a Big Boy Now" que trazia a maravilhosa "Darling Be Home Soon" (me faz lembrar a regravação do Slade Alive nos anos setenta, espetacular!). Tem ainda o álbum "Everything Playing" o último com John Sebastian destacando "She is Still a Mistery", "Six O´clock" e "Money".

Tem também as grandes gravadoras aproveitando essa onda de reedições e remexendo seus catálogos. A poderosa EMI inglesa é uma das que mais se favorece de suas preciosidade lançadas na decada de 70 em selos como os cultuado Harvest e Virgin Records, por exemplo. A Virgin acabou cedendo uma boa parte de seu catalogo dos anos setenta para EMI que aproveita esse momento para reeditar os primeiros clássicos da banda progressiva Tangerine Dream, num box com 3 cds eles cobrem a fase 1973 a 1978 do grupo. Ali estão os cinco primeiros álbuns do grupo e a melhor fase deles essa da Virgin, começando com os clássicos Phaedra e Rubycon e ainda algumas bonus tracks.

O mesmo acontece com o Lindisfarne cobrindo a fase de 1970 a 1973. A banda bitanica estreou em 1970 com o álbum "Nicely Out Of Tune" algo comparável às coisas dos canadenses do The Band ou as harmonias vocais do Crosby Stills, Nash & Young, mas muito mais com uma cara de folk britanico. Cinco discos e mais bonus tracks estão reunidos nesses tres cds.

E, por fim os ligeiramente obscuros e injustiçados Edgar Broughton Band com seus cinco primeiros álbuns e ainda um show ao vivo inédito nesses tres cds.Naquela linha de bandas de blues psicodélico pesado como Pink Fairies e The Fugs, os britanicos da Edgar Broughton Band produziram 5 álbuns espetaculares no periodo de 1969 a 1973.
O mais importante desses relançamentos é o preço, por exemplo esses triplos dessa série da EMI custam 12 libras na loja da amazon inglesa. Os Lovin´Spoonfull por 6 libras cada um (cerca de 17 reais) e mesmo as reedições em vinil da Sundazed não passam de 19 dólares no site deles. Além da qualidade e do cuidado na apresentação dessas reddições ainda temos um preço convidativo.