31 dezembro 2008

2008 "o ano que o punk não morreu"

Quem disse que o punk rock morreu está muito enganado, pois como estilo musical e influencia nessa nova geração ele está mais vivo do que nunca. Além do mais muitas das bandas clássicas daquele periodo de 77 a 80 continuam ativas e se apresentando ao vivo. Recentemente o Damned se apresentou em Londres junto com UK Subs, 999, Penetration e The Yobs, dentre outros num grande show no The Forum.
Em 2008 descobri uma nova geração influenciada por esse punk de 77 e não me decepcionei, resolvi fazer abaixo um top 10 dos melhores álbuns de bandas influenciadas pelo punk.
01 - JAY REATARD - "Matador Singles ´08" "Singles 06-07"
O primeiro dessa lista é o americano Jay Reatard, que eu já havia comentado aqui no blog, esse cara é de Memphis no Tennessee e está na ativa desde 1998, quando tinha sua banda Reatards, com quem lançou 4 álbuns. Em 2006 Jay Reatard resolveu partir pra carreira solo, montou seu trio e lançou o álbum "Blood Visions". Em 2008 assinou com o selo Matador e lançou essa coletanea de singles de 7 polegadas que foram editados em 06 disputadissimos singles de vinil, a partir de abril.



Na capa Jay Reatard aparece mergulhado numa banheira repleta de compactos de vinil.
O último dessa série de seis singles foi lançado com tres capas diferentes, cada um com a foto de um integrante de seu trio. Essas edições limitadas chegaram a valer quase cem dólares nos leilões do ebay.

A contra-capa desse "Matador Singles´08" merece ser mostrada, na foto acima um dos integrantes do trio de Jay Reatard está sentado no vaso sanitário vomitando compactos de vinil.
Um dos compactos dessa série, Jay Reatard fez um split com o Deerhunter e aparece nú na cama com Bradford Cox.

Ainda em junho de 2008 seu selo anterior In The Red Records lançou a coletanea "Singles 06-07", outra coletanea de compactos lançados nesse periodo. A primeira vez que ouvi Jay Reatard foi uma faixa deessa coletanea chamada "All Over Again" e me lembrou muito aquela banda punk britanica de 77 chamada The Adverts. Dentre outras influencias em seu trabalho estão Gary Numan,Wipers, Wire e sem dúvida Ramones.
http://www.myspace.com/jayreatard

02 - THE CUTE LEPERS - "Can´t Stand Modern Music"
Minha segunda escolha como melhor disco nessa tendencia digamos "influenciada pelo punk", pois não quero chamar isso de punk pop ou de terceira,quarta ou quinta geração do punk, não tem nada a ver, são apenas bandas que apreciam as coisas boas do punk rock. Esse é o caso do Cute Leppers, um grupo de Seattle, que não teve a mesma sorte do Fleet Foxes, mas fizeram também um dos melhores discos de 2008. Liderados pelo guitarrista e vocalista Steve E.Nixx ( é apenas uma brincadeira com a famosa cantora), a banda faz um som que me fez lembrar bastante Johnny Thunders & The Heartbreakers. Dá uma espiada no myspace deles e veja a lista das influencias.
http://www.myspace.com/thecutelepers


03 - LOVVERS - "Think"
Minha terceira escolha é uma banda britanica chamada simplesmente Lovvers, que lançaram em 2008 um ep chamado "Think" com 07 músicas barulhentas como Germs e Buzzcocks.

04 - FUCKED UP - "The Chemistry of Common Life"
O quarto melhor disco dessa lista ficou para os canadenses do Fucked Up. No inicio desse ano fiquei intrigado quando eles lançaram o single "Year Of The Pig" um épico do hardcore com mais de 10 minutos, intercalando sons progressivos de flautas e teclados com guitarras hardcore barulhentas. Contratados pela Matador em 2008 eles lançaram seu terceiro álbum "The Chemistry Of Common Life", que causou em mim o mesmo impacto quando eu ouvi "Zen Arcade" do Husker Du em 84 ou "Sonic Reducer" dos Dead Boys em 77. Esse disco eu considero um passo à frente no hardcore, tão bom quanto ouvir "Damaged" do Black Flag de 1981.

A figura central do Fucked Up é sem dúvida seu vocalista Pink Eyes (conjuntivite). Em 2008 o semanário New Musical Express dedicou uma capa pra banda e divulgou essa foto do gorducho.

05 - THE KING BLUES - "Save The World Get The Girl"
A quinta grande surpresa de 2008 pra mim foi a banda britanica The King Blues. A primeira vez que ouvi falar deles foi no programa do Zane Lowe da BBC1, confesso que a principio quando vi no set list do programa achei estranho o nome The King Blues. Jamais imaginaria que fosse uma banda influenciada pelo punk do Clash, pelo ska do Specials e por muito reggae. Imediatamente fui em busca dos dois álbuns do trio "Under the Fog" de 2007 e esse mais recente "Save The World, Get The Girl".Uma das músicas mais grudentas desse disco é "My Boulder", pena que não foi o hit que a banda esperava, mas com certeza eles mereciam fazer sucesso, confira!
http://www.myspace.com/thekingblues

06 - THEE VICARS - "Back On The Streets"
Além da influencia punk minha sexta escolha o Thee Vicars também bebe na fonte garage sixties e Billy Childish deve ser um ídolo dos garotos, pois o som deles também tem algo de Milkshakes e Headcoats. Esse disco de estréia do Thee Vicars tem 16 músicas, todas eles com menos de dois minutos.

O selo onde gravam o Thee Vicars é o Dirty Water Records, uma gravadora inglesa especializada em bandas mais garageiras, acima a foto de um dos singles em vinil do Vicars.
http://www.myspace.com/theevicarsuk

07 - TITUS ANDRONICUS - "The Airing of Grievances"
THE GASLIGHT ANTHEM - "The ´59 Sound"

Uma outra descoberta dessa nova geração americana foi o Titus Andronicus, que ocupa minha sétima posição. Assim como o Gaslight Anthem, eles vem de New Jersey, mas não são influenciados pelo "boss" Bruce Springsteen. Dividem suas influencias com o hardcore do Minor Threat, mas também gostam de Jonathan Richman e seu Modern Lovers, e até mesmo Neutral Milk Hotel e seus conterraneos Yo La Tengo. Diante de tantas referencias o que se pode notar ao ouvir o cd de estréia da banda é que esses caras ainda vão dar o que falar em 2009, pois esse cd "The Airing of Grievances" será relançado em 2009 agora por uma gravadora maior a XL Recordings.
http://www.myspace.com/titusandronicus
quem quiser o Gaslight Anthem tem no "rock for masses"
http://rockformasses.blogspot.com/

08 - NO AGE "Nouns"
Na oitava colocação ficou a dupla de Los Angeles "No Age" com o álbum "Nouns". Esse é o segundo disco do No Age e apareceu na maioria das listas dos melhores de 2008.É impressionante como o duo sabe trabalhar as influencias punks de um Ramones ou Stiff Little Fingers com o experimentalismo psicodélico de um Psychic TV.
http://www.myspace.com/nonoage

09 - WAVVES - "Wavves"
TIMES NEW VIKING - "Stay Awake EP"

É também dessa nova geração californiana minha nona escolha, o Wavves, uma criação do músico de San Diego, Nathan Willians, que faz um estilo "lo-fi beach punk". Antes desse cd de estréia Nathan Willians lançou alguns singles e uma fita cassete por volta de agosto desse ano e agora tudo se concretiza no formato CD e LP. Mais uma grande surpresa como quando descobri no inicio do ano o Times New Viking, que deveria constar dessa lista, mas como eram só dez nomes, injustamente fui esquecer deles, mas considerem um empate tecnico com o Wavves.
http://www.myspace.com/wavves
se quiser ouvir a fita cassete mais "lo-fi noise" de 2008 gravada no quarto de Nathan de um pulo no bolachas grátis, links abaixo. É como se Brian Wilson tivesse toomado todo ácido do mundo (uma quase verdade) e passasse a curtir Crass, Sex Piltols, Wire e Ramones.Aproveite e ouça o EP "Stay Awake" do Times New Viking
http://bolachasgratis.baywords.com/?p=2139
http://bolachasgratis.baywords.com/?p=1858

10 - THE REVELLIONS - "The Revellions"
E encerrando em décimo lugar os irlandeses de Dublin, The Revellions, nesse caso muito mais uma garage sixties band no genero Music Machine. Uma agradável descoberta que eu fiz através de uma indicação do site da loja Piccadilly Records.
http://www.myspace.com/therevellions

09 dezembro 2008

Musiquinhas de natal


Todo ano é a mesma história, algumas bandas resolvem lançar musiquinhas de natal, o resultado final pode ser do bizarro ao sublime. Aqui temos tres exemplos em video, o primeiro é da banda britanica Wombats que lança esta semana o single "Is This Christmas?", uma brincadeirinha em torno do espirito natalino. A critica inglesa em geral não curtiu a palhaçada dos garotos do Wombats, que antes disso eram levados a sério depois de hits como "Let´s Dance To Joy Division", que apesar das letras bem humoradas do álbum de estréia, o Wombats tinha um conceito fortissimo no meio indie. Essa música de natal segundo a critica deu uma queimada no filme dos caras.

Bem diferente do Wombats a banda inglesa I Like Trains lança o EP "The Christmas Tree Ship" com cinco músicas instrumentais no estilo da banda. Já comentei anteriormente o disco de estréia dos caras, que segundo a critica, adoram contar histórias de generais ingleses e figuras mortas tragicamente no passado. Apesar do astral pesado o I Like Trains é uma ótima banda e esse EP instrumental de natal é um exemplo disso. Junto com o EP vem um dvd com os clips das músicas, esse acima é um making of da primeira faixa "The Christmas Tree Ship"

Agora se fosse pra escolher o melhor single de natal de 2008 eu voto em "Santa´s Coming Over" do Low. Essa banda de Minneapolis é uma das minhas favoritas desde 1996 quando ouvi o terceiro album "The Curtain Hits The Cast". Em 1999 eles lançaram um EP natalino chamado "Christmas" e foi um sucesso com a crítica. Esse ano resolveram editar um compacto de vinil com duas músicas "Santa´s Coming Over" e "The Coming Of Jah". O video da primeira faixa do single é essa maravilha acima.
Ainda no quesito canções natalinas temos o EP do Glasvegas "A Snowflake Fell ( And It Felt Like a Kiss), que por sacanagem foi encartado numa segunda edição do álbum de estréia da banda escocesa. Protestos dos fãs não faltaram, pois pra ter esse EP fisicamente voce terá que desenbolsar novamente o valor do cd, pois ele não é vendido separadamente. A não ser que voce prefira fazer um download das faixas.
link nos comentários.
Mais um detalhe, nesse blog tem uma postagem muito legal sobre alguns clássicos natalinos pra baixar:
http://entretenedor.wordpress.com/2008/12/04/ja-e-natal/
Tem podcast de natal, "artrock 17"
tracklist
1.cocteau twins - frosty the snowman
2.i like trains - south shore
3.the wombats - is this christmas?
4.asobi seksu - merry christmas (i don't want to fight tonight)
5.the killers - don't shoot me santa
6.low - santa's coming over
7.glasvegas - a snowflake fell (and it felt like a kiss)
8.glasvegas - silent night (noapte de vis)

link
http://kidvinil.podomatic.com/entry/2008-12-19T13_21_34-08_00

01 dezembro 2008

Chan Marshall é a figura mais "cool" de 2008



Essa história de lista das pessoas mais "cool" de 2008 esse ano não surtiu muito efeito. A lista publicada pelo NME no mês passado, passou despercebida.
Além do que na opinião do NME "cool" são aqueles "hypados" pelo jornal.
Como a mulher mais "cool" da música pop em 2008 não aparece nessa lista?
Chan Marshall a famosa Cat Power na minha opinião é a mais "cool" de 2008, 2009, 2010....
Desde que comecei a lançar os discos da Matador pela Trama em 2000, sempre fui vidrado pela Chan Marshal e os discos da Cat Power.
Antes dela vir pro Brasil fiz uma entrevista espetacular com ela durante a festa dos 10 anos do selo Matador Records em NY. Que mulher inteligente e apaixonante, de um bom gosto musical dificil de encontrar nas musas da nova geração.
No ano passado Chan Marshall atingiu sua maturidade musical ao lançar o álbum "The Greatest", acompanhada de músicos americanos e veteranos da chamada "Southern Soul Music".
Neste ano de 2008 ela lançou outra grande prova de seu bom gosto musical, o álbum "Jukebox", onde ela faz um tributo aos grandes vocalistas que a influenciaram.
Pra minha surpresa esta semana encontrei no "bolachas grátis", um EP só de covers
que está pra ser lançado, chamado "Dark End Of The Street". Segundo a Matador as 6 faixas desse EP, que será lançado no dia 09 de dezembro, são músicas que não entraram na edição de "Jukebox", são elas:
1. Dark End Of The Street (James Carr, Aretha Franklin) *
2. Fortunate Son (Creedence Clearwater Revival)
3. Ye Auld Triangle (The Pogues) *
4. I’ve Been Loving You Too Long (To Stop Now) (Otis Redding)
5. Who Knows Where The Time Goes (Sandy Denny / Fairport Convention) *
6. It Ain’t Fair (Aretha Franklin)

É impressionante ouvi-la cantando "Fortunate Son" do Creedence, re-arranjada naquela levada peculiar de Chan Marshall, quem conhece o primeiro disco de versões, "The Covers Record (2000)" do Cat Power sabe do que estou falando.
A seleção desse pequeno repertório dá uma clara idéia da cultura musical de Chan Marshall, é genial incluir num mesmo repertório Pogues, Fairport Convention, Aretha Franklin e Otis Redding. Já ouvi muitas versões de "I´ve Been Loving You Too Long" de Otis Redding, mas esta da Cat Power me deixou emocionado. Se voce gosta de Cat Power não perca tempo, vá nesse link do bolachas grátis e ouça esse novo EP.
http://bolachasgratis.baywords.com/?p=3081

O primeiro posto da lista dos mais "cool" de 2008 ficou para Alice Glass a vocalista do duo canandense Crystal Castles. Não tiro os méritos da dupla, que aliás foi capa do NME duas vezes em 2008. Realmente o disco de estréia do duo está na minha lista dos melhores de 2008, mas na minha opinião Chan Marshall é a mais "cool" de 2008


No ano passado nossa Lovefoxx foi a mulher mais "cool" eleita pelo NME, em 2008 ela ficou com a posição de numero 32, e o comentário foi que apesar do album "Donkey" do CSS não superar o primeiro disco, Lovefoxx continuou brilhando nos palcos britanicos.