21 junho 2007

O KULA SHAKER ESTÁ DE VOLTA

Depois de 8 anos após a dissolução do Kula Shaker em 1999, o vocalista e guitarrista Crispian Mills está de volta com o lançamento do álbum "Strangefolk" que sai em julho lá fora.
A história do Kula Shaker começa em 1996 com o single "Grateful When You´re Dead", depois veio o primeiro hit "Tattva", que dava a cara mais psicodélica da banda e fortemente influenciada por Beatles e particularmente George Harrison.
Em seguida veio o disco de estréia chamado simplesmente "K", foi um recorde de vendas no Reino Unido no seu lançamento, chegando rapidamente em primeiro lugar nas paradas. Foi o segundo disco da era Britpop a bater no primeiro posto na semana de lançamento. O primeiro foi o Oasis como "Definitely Maybe".
Rapidamente o Kula Shaker começava a conquistar também o público americano e arrancava elogios de toda crítica, mas na "prova dos nove" do segundo álbum eles escorregaram e a banda começou sua decadência terminando em 1999. O segundo álbum do Kula Shaker "Peasants, Pigs & Astronauts" na verdade não é um disco tão fraco como a crítica inglesa o considerou, mas todos esperavam algo à altura do primeiro "K".
Em 2002 Crispian Mills monta uma nova banda "The Jeevas", num estilo mais powerpop punk, bastante influenciado por Undertones, Buzzcocks, The Only Ones e The Jam.
Gravaram dois bons discos "1-2-3-4" (2002) e "Cowboys and Indians" (2003) e daí a banda termina.
Em 2005 Crispian Mills já começava a remontar o Kula Shaker e lançou tímidamente um single com material novo sómente no Japão, onde a banda tem um grande número de fãs.
O álbum "Strangefolk" traz treze novas músicas do Kula Shaker em sua formação original adicionada de um tecladista.
A banda mantém sua fidelidade ao classic rock dos anos 70, tanto que certas músicas parecem um cruzamento de Beatles e Yes, ouvindo a faixa "Second Sight" me relembrou alguma coisa do álbum "Time and Word do Yes"(1970) e os vocais na linha Beatles.
Isso não é de se impressionar pois um dos últimos hits do Kula Shaker antes deles terminarem foi "Hush" uma regravação de um dos primeiros hits do Deep Purple.
O Kula Shaker volta com um belo disco, agora só resta saber como a crítica britânica receberá esse retorno, pois a sobrevivencia deles vai depender das boas reviews, senão ficarão na saudade dos bons tempos do Britpop.
Ouça duas novas músicas do Kula Shaker no myspace:
http://www.myspace.com/kshaker

Um comentário:

R. Carvalho disse...

Não tenho palavras pra dizer o quanto Kula Shaker é bom. É simlplesmente DEMAIS.