10 maio 2007

Maps - A Sunny Day in Glasgow - Battles

São três bons discos de bandas estreantes neste mês de maio. A primeira é britanica e chama-se Maps, faz parte dessa gerção pós My Boody Valentine e Shoegazers.
Eles apareceram no ano passado com dois aclamados singles "The Gathering" e "Lost My Soul" ( este último entrou na lista dos melhores singles de 2006 pelo NME).
Muita gente anda comparando o som do Maps com o Spiritualized, o que faz sentido pois certas músicas tem a mesma construção musical e o clima das composições da banda de Jason Pierce.
Na verdade o Maps é obra de um único músico, seu nome é James Chapman e esse disco foi gravado em seu estúdio caseiro de 16 canais.
Para as apresentações ao vivo James trabalha com mais 3 músicos.
James Chapman e seu Maps assinou no início deste ano com o selo Mute Records e lança agora seu álbum de estréia "We Can Create", um disco descrito por alguns criticos como um electro indie pop. Talvez exista um certo exagero no rótulo electro, pois vejo a banda muito mais como algo experimental, até com influências de post rock. Às vezes me lembram Boards of Canada e Slowdive, mas pra variar tem muito de Kraftwerk.
O Maps tem tudo pra ser o Hot Chip de 2007, pra agradar fãs de New Order,Dntel, Postal Service e até mesmo Death Cab for Cuttie, tal a essência pop desse grande disco.
http://www.myspace.com/mapsmusic


Ainda na praia da geração pós My Bloody Valentine encontraremos uma galera da Philadelphia/USA fazendo um som extremamente influenciado pelas guitarras de Kevin Shields.
A primeira coisa que me chamou a atenção foi o nome "A Sunny Day in Glasgow", claro que você logo imagina uma banda escocesa, mas assim como "I´m From Barcelona" é um grupo de suecos, os caras do Sunny Day in Glasgow são americanos, apenas uma daquelas "pegadinhas" pra confundir o ouvinte.
O melhor de tudo é que o som deles é a grande surpresa de 2007, uma das coisas mais maravilhosas que ouvi este ano, um disco repleto de "loopings" sonoros e melodias deliciosas.
É como se eu voltasse nos tempos de bandas como My Bloody Valentine, Seefeel, Boards of Canada, His Name is Alive e Adventures In Stereo.
No ano passado a banda lançou seu primeiro EP "The Sunniest Day Ever", que foi bastante executado pelas college radio americanas.
Agora eles lançam esse discaço de estréia "Scribble Mural Comic Journal"
http://www.myspace.com/sunnydayinglasgow




O Battles é uma banda americana de NY e uma das maiores supresas deste ano de 2007, com certeza o álbum "Mirrored" entrará na lista dos melhores do ano.
No ano passado a banda lançou um cd duplo chamado "EPC/BEP, que chamou bastante a atenção da crítica, mas confundiu um pouco os indies ingleses que já tinham uma banda britanica com o mesmo nome "Battle" que grava no selo Transgressive.
Os novaiorquinos resolveram então pra diferenciar da banda indie inglesa colocar um "s" no final, deixando o nome no plural.
Infelizmente o Battle britanico não conseguiu muito êxito com a crítica e o Battles americano reaparece em 2007 com uma das músicas mais intrigantes dos últimos tempos "Atlas", uma variação de música eletronica com rock, uma bateria marcante e o melhor e mais original um vocal em rotação acelerada, dando um ar futurista pra música. "Atlas" é séria candidata pra single de 2007, mas ainda é cedo pra apostar nisso.
Com certeza essa será a grande aposta do selo Warp Records, a gravadora inglesa de Sheffield que tem no seu cast gente como Maximo Park e Grizzly Bear e no passado já lançou Aphex Twin, Autechre,Broadcast,Squarepusher e Nightmares on Wax, dentre outros.
http://www.myspace.com/battlestheband

Um comentário:

Alexandre disse...

Pois é ! Haja grana pra ir atrás de tudo ! Pô Kid, isso é covardia.